É comum ouvirmos histórias de crianças vítimas de bullying pelo fato de nascerem com orelhas proeminentes, condição popularmente conhecida como “orelha de abano”. O Hospital Estadual Ernestina Lopes Jaime (HEELJ) de Pirenópolis, passou a realizar recentemente a Otoplastia, cirurgia corretiva dessa condição. Em tão pouco tempo, o procedimento já mudou a vida de um paciente de 12 anos. 

Depois que o paciente demonstrou interesse em fazer a cirurgia; sua mãe, Shirlene Schuenquer Rosário de Oliveira, de 33 anos, procurou a Secretaria de Saúde de Teresópolis com toda a documentação necessária, em busca de uma vaga para a realização do procedimento. Depois da realização dos exames necessários, a cirurgia foi marcada para ser realizada no Centro Cirúrgico do HEELJ. 

“Ele operou em agosto de 2019. Foi tudo ótimo, estamos todos felizes. Depois que meu filho fez a cirurgia, a vida dele mudou 100%. Ele era um menino triste, vivia pelos cantos e hoje é alegre, um diferencial na vida dele,” ressaltou Shirlene.

A cirurgia e seus resultados positivos 

Com um resultado tão positivo e com a família confiando no bom trabalho da equipe do HEELJ, a filha de 9 anos e o marido de Shirlene também entraram na fila para realização do procedimento. A menina também realizará ortoplastia e o pai fará uma cirurgia nas pálpebras. “O HEELJ é um Hospital que promove o cuidado e um atendimento de excelência. É impressionante a sensação de segurança que temos”, disse, satisfeita.

O marido de Shirlene, o policial aposentado Sérgio Luiz Gonzaga de Oliveira, que agora fará a cirurgia nas pálpebras, também elogiou a Unidade. “Todos foram atenciosos, enfermeiros, psicólogos, a equipe da limpeza. Eu só tenho a elogiar o atendimento do Hospital”, declarou. 

Ajustar fonte